Europa

Praga

Iniciamos o terceiro roteiro desta viagem de 30 dias de carro pela Europa.

Para acompanhar este roteiro desde o início, clique aqui.

Para acessar o segundo roteiro, Dresden, clique aqui.

Para acessar o quarto roteiro, Brun (Brno), clique aqui.

Como já descrevemos em nosso post anterior, saímos de Dresden muito mais tarde do que imaginávamos, mas valeu a pena porque o dia foi maravilhoso. Na estrada pegamos um magnífico pôr do Sol às 15h30 e chegamos em Praga às 17h00, já era noite. Lembre-se que escurece por volta das 16h30 no Inverno na Europa, dependendo do lugar. Quanto mais ao Norte, mais cedo escurece. Foram 150 km de estrada percorridos em 2h30 horas até encontrarmos nosso apartamento em Praga 1, Centro, considerando a parada no posto ao entrar na República Tcheca para comprar o vignetteselo pedágio.

Como Funcionam os Pedágios na Europa

Praga, capital e maior cidade da República Tcheca, é um dos mais belos e antigos centros urbanos da Europa com seu extenso patrimônio arquitetônico e cultural. Uma cidade medieval de construções belíssimas. Para se ter uma ideia, há resquícios de civilização datada de 5.000 a.C. Já ouviu falar em Franz Kafka? É da terra.

Veículos Alugados que Podem ou NÃO Circular pela Europa

Após a Primeira Guerra Mundial, em 1918, Praga tornou-se a capital da nova e independente república da Checoslováquia. Em 1938 caiu sob ocupação Alemã, e após a Segunda Guerra passou ao controle da União Soviética. Em 1992 passou a ser a capital da República Tcheca se separando da República Eslovaca. Uau, quanta história por aqui.

Centro ps

Chegando à região central – Praga 1, tivemos um pouco de dificuldade em encontrar o estacionamento que nossa anfitriã havia reservado para nós em hotel próximo ao apartamento. Achamos o hotel, mas não a garagem (a princípio), somente um portão fechado. Não achamos que fosse lá e seguimos um pouco mais. 50 metros depois fomos barrados por dois policiais falando em tcheco, claro. 🙄 Gente, não dá para entender nada. Eu disse, em inglês, que era brasileiro e que estava procurando o estacionamento do hotel. Eles não entenderam nada. 😀 Um casal que passava nos ajudou informando, em inglês, que os guardas queriam que abríssemos o capô e o porta malas. Era uma vistoria. Depois entendemos que ali era a subida para o Castelo, residência oficial do presidente do país. Por isso a guarda. Abrimos o capô e o porta malas. Tudo ok. Fizemos a volta, descemos e estacionamos próximo ao hotel.

Eu desci e fui procurar nosso prédio e nossa anfitriã. Achando o prédio, o apartamento e a anfitriã, que nos aguardava, foi fácil. 🙂 Ela nos levou ao estacionamento – era naquele portão mesmo. 🙂 Portanto, paciência e muita atenção são fundamentais em uma viagem e são sempre nossos aliados nas horas de aperto. Temperatura estava em -3°C.Vista ps

Descubra como Estacionar o Carro na Europa

Valeu muito a pena o apartamento St Nicholas Residence alugado via Booking.com, nosso parceiro, – amplo, lindo, bem equipado, confortável e com algumas cortesias de nossa anfitriã – vinho, cervejas, águas com gás, chás e cafés. 😎

Situado em um predinho antigo e sem elevador, muito bem localizado, tudo de bom. A foto ao lado é da vista do nosso quarto e esses trilhos na rua são dos bondinhos que passam a todo momento.

Este apartamento não está mais disponível para locações – que pena! Entre aqui em Booking.com, nosso parceiro, e descubra outras opções na cidade de Praga, sendo que o ideal é sempre ficar próximo ao Centro, pois poderá conhecer os principais pontos da cidade a pé.

A República Tcheca é membro da União Europeia, mas não utiliza o Euro como sua moeda oficial e sim a Coroa Tcheca. Vários restaurantes não aceitam Euros nem cartão, então o ideal é trocar um pouco por Coroas.

Malas e “Despensa Móvel” no apartamento, saímos para dar uma volta e jantar. Havia ainda diversas lojas abertas. Várias de cristais. Já ouviu falar em Cristais da Boêmia? Pois é. São de lá mesmo. Cada um mais maravilhoso que o outro. Coleções de copos, lustres fenomenais, etc.

É a hora de trocar Euros por Coroas Tchecas. Vá à uma casa de câmbio, existem várias no Centro. Não precisará de muito. E cuidado com o dinheiro. Na época, final de 2016, €1 = 26CZK coroas tchecas.Jantar ps

E para comer eu estava louco por um wiener schnitzel e a Silma e o Felipe, por uma sopa. Conclusão na foto ao lado. 😀 Achamos os dois em um só lugar. A sopa era de batata com carne (goulash) e veio no pão italiano. Uma delícia. O restaurante estava lotado na parte de dentro, então comemos nas mesas do lado de fora mesmo a uma temperatura de -3°C. 😯 Mas com esse aquecedor gigante, nos aquecemos aos poucos. Além do aquecedor, o local é coberto por um tipo de tenda e todo cercado por vidros para barrar o vento. Ajuda muito.

De volta para casa, demos uma organizada nas coisas. Revemos a programação do dia seguinte, banho e cama. Amanhã acordar cedo.


Dia seguinte, após nosso café da manhã, colocamos nossas roupas de frio e saímos para mais uma aventura rumo ao desconhecido. Pelo menos para nós.

Praga tem muitos lugares para visitar. Então fizemos um roteiro de uns 11 km, a pé:

Iniciamos nosso passeio subindo a Colina Hradcany onde está localizado o Castelo de Praga. Fundado no século IX, era habitado pelos reis da Boêmia. Hoje é a residência oficial do presidente do país. É considerado o maior castelo do mundo. Próximo está também o Palácio do Senado. Tudo muito bonito.

E por falar em coisas belas, há diversos vendedores de quadros, pinturas, entre outras obras de arte espalhadas por ali. Impossível não comprar alguma. Todas as imagens retratam a beleza do local. Vale a pena adquirir uma recordação como esta. São quadros pequenos, alguns são pintados, outros desenhados … e o preço é bem em conta … mais barato que na Ponte Carlos.

Castelo ps

Na frente do Castelo havia um coro de músicas natalinas, composto por crianças cegas ou com outra deficiência. A Silma se emocionou muito. Como ela descreveu: “o som das canções inundaram aquele lugar de magia e apesar do frio estava aquecendo a alma das pessoas que por ali passavam”. 🙂

Começamos a descer sentido Charles Bridge (Ponte Carlos) para atravessar o rio Moldava e chegar à Cidade Velha. O frio continuava intenso, mas nada que um bom chocolate quente não resolvesse. E foi o que fizemos … uma pausa para nos aquecer com o delicioso chocolate quente. Em uma barraquinha, a Silma comprou uma meia de lã de ovelha que toda mulher friorenta adoraria ter. 😀

Ponte Charles ps

Atravessar a Charles Bridge é um passeio imperdível. Repare no chão, nos detalhes das esculturas na Ponte, no rio, nas outras pontes, nos barcos, aves, restaurantes, iluminação, nas barracas com artesanatos e quadros. É sensacional. Sensação sem igual. Mini Chef ps

Sinta. Respire esta história.

Fomos em direção à Torre do Relógio Astronômico. Do final da Ponte até o Relógio existem centenas de lojinhas que valem a pena uma visita, portanto, não tenha pressa, aproveite e pechinche. Por aqui, com certeza você encontrará aquela lembrancinha que não te fará esquecer este lugar maravilhoso. Foi numa dessas que compramos um avental de “Mini Chef” para o Felipe, que adora nos ajudar enquanto cozinhamos. Olha a cara dele de FELICIDADE. 😎

Chegando à Praça do Relógio você encontrará o prédio da Prefeitura, a Galeria de Arte de Praga, Galeria Nacional de Praga, a Igreja da Nossa Senhora, enfim, diversos museus, hoteis, restaurantes, cafés e lojas. Agora imagina tudo isto às vésperas de Natal. 😀 A praça se transformou em uma grande feirinha de Natal, com artesanato local, comidas típicas, e muitas barracas interessantes. Dá até para passear de charrete.

Praça Relógio ps

A fome bateu. Almoçamos um delicioso risoto no restaurante Taverna Toscana, muito gostoso, além de bonito. Fomos bem atendidos, e nos deliciamos com um vinho para relaxar. Após nosso almoço, voltamos para a Praça. Havia uma grande árvore de Natal, um cercado com animais da região – o Felipe deu até comidinha para eles – e uma grande casa imitando bolachas de Natal.

Bolacha ps

O dia já estava terminando, o frio aumentando, a noite chegando … voltamos para casa. Fizemos uma sopa bem quentinha com macarrão em formato de árvore de Natal no aconchego do “nosso” apartamento. Nestes locais mais frios, as casas são sempre quentinhas, pois possuem aquecimento por calefação e às vezes até o piso é aquecido. E depois de um dia delicioso, tivemos uma noite de sono perfeita, cama macia, quentinha, apartamento silencioso com uma vista linda da janela do nosso quarto.


E para finalizar Praga, em nosso último dia, acordamos cedinho, tomamos nosso café da manhã, pegamos nosso carro no estacionamento e deu tudo certo. E antes de pegarmos estrada, demos uma volta para conhecer um pouco mais da cidade, mesmo que de dentro do carro. Realmente, Praga é um lugar para se encantar.

Cidade ps

E sem dúvida merece uma visita de três a quatro dias inteiros. Ficará para a próxima oportunidade.

Nossa viagem de carro então continua pela Europa, seguindo para Viena – Áustria, com parada em Brno para almoçar.

Para acessar nosso roteiro em Brno, clique aqui.

Para acessar nosso roteiro em Viena, clique aqui.

DESCUBRA novas 💡 DICAS de viagem:

Planejando uma Viagem Gastando Pouco

Cinco Razões para Viajar com Crianças Pequenas

Pensando em hospedagens, passeios e locação de veículos? Consulte nossos parceiros. Não pagará a mais por isso e terá tudo à mão. Clique nos links acima e aproveite os melhores lugares, preços e condições de pagamento.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s