Alemanha

Berlim

Olá ViajAndos©, pessoal que adora e curte uma viagem. Hoje iremos contar como foi nossa aventura por Berlim, capital e maior cidade da Alemanha.

Destruída por duas Grandes Guerras (1914 – 1918) e (1939 – 1945) e um longo período como o maior símbolo da Guerra Fria: o Muro de Berlim (1961 – 1989). Berlim SOBREVIVEU. Hoje, quarta maior economia do Mundo e líder na União Europeia. População de mais de 5 milhões de pessoas de mais de 180 países.

Berlim é uma cidade global e um dos mais influentes centros mundiais de cultura, política, mídia e ciência. É também um dos mais importantes centros do transporte continental europeu.

Com sua localização central na Europa, é o país com o maior número de fronteiras no Continente, nove ao todo: Dinamarca, Polônia, República Tcheca, Áustria, Suíça, França, Luxemburgo, Bélgica e Países Baixos/Holanda.

Um país com tantas fronteiras é uma excelente opção para o início de uma viagem à Europa. É o que fizemos entre fim de 2016 e início de 2017 por 30 dias, que relatamos a seguir.


Após 11 horas de viagem e uma breve escala em Roma, nosso voo pela Alitalia pousou em Berlim às 11h10. Pegamos nossas malas, carrinho do Felipe, cadeirinha para o carro, ufa!!!! Nossa locadora do veículo, era colada ao aeroporto, assim como todas as outras. Mas para chegar até lá foi um sufoco 😯 Nos indicaram o caminho mais difícil, pela rua, quando deveríamos ter ido por dentro do aeroporto. Temperatura externa -1°C. Enfim, chegamos. A princípio nosso carro seria um Ford Focus Turnier.

Aqui já vai a primeira dica: se você pretende viajar de carro pela Europa, verifique se a marca desejada poderá circular pelos países do roteiro. Por exemplo, países como República Tcheca e Eslovênia, que visitamos, não era permitido veículos das marcas VW, BMW, Audi, Mercedes e outras. Para saber mais clique aqui. Ford era permitida, mas acabamos saindo da loja com um Opel Insignia. Acho que a moça ficou com dó pela nossa quantidade de malas. 🙂 Estavam todas meio vazias ou meio cheias (pensando na volta!!!!). Carro novo. Movido a diesel (mais barato para abastecer), para dirigir um total de 5 mil km. Sim, isso mesmo, 5 mil km. E não foi nada cansativo, pois o roteiro foi muito bem dividido.

Não se esqueça de tirar uma foto do carro e da placa. Pode ser que você precise para encontrá-lo em um estacionamento, por exemplo.

Insignia ps

Descubra como Estacionar o Carro na Europa

Como Funcionam os Pedágios na Europa

Fomos para nosso apartamento, localizado em Brunnenviertel, alugado através de nosso parceiro Booking.com. Chegamos fácil graças ao Waze. Malas em casa, saímos para almoçar (já era bem tarde), passear, mercado para abastecer nossa “Despensa Móvel” e descobrir esta cultura alemã, maravilhosa.

Voltamos para casa ao anoitecer para dar uma relaxada da longa viagem. Organizar a despensa móvel, tomar um bom vinho, preparar nosso jantar, banho e cama. Dia seguinte muito para andar e conhecer.


Você está viajando pela Europa, no Inverno, com luz natural das 8h30 às 16h30, tem que acordar cedo e aproveitar. Então, tomamos nosso café da manhã cedinho e saímos a pé, o dia todo. Estava garoando um pouco, mas não foi impedimento para nossa aventura. De casa até a Alexander Platz, 2,5km.

feiras ps

Em Berlim existem diversas Feirinhas de Natal (“Weihnachtsmärkte” em alemão). Vale muito a pena visitá-las. Uma das mais tradicionais fica na Alexander Platz. Você irá encontrar artesanato local, doces, brinquedos e brincadeiras para crianças (inclusive para nós!!! 🙂 ) e muitas barracas de comidas típicas. Em cada feirinha uma parada para o Felipe brincar, nós também claro.

Continuamos nosso passeio. A garoa virou uma chuva fraca, então entramos no Shopping Center RathausPassagen para almoçar. Depois continuamos nossa caminhada, passando pela Berliner Fernsehturm (Torre de TV), Rotes Rathaus (Prefeitura), AcquaDom & Sea Life Berlim (Aquário maravilhoso), e aí começa a Ilha dos Museus, DDR Museum (Museu sobre a Vida da Alemanha Oriental), Berliner Dom (Catedral de Berlim), Altes Museum (Arte Antiga da Grécia, Roma e Etrúria), Neues Museum (Museu de Arqueologia e Arte Secular), Alte Nationalgalerie (Antiga Galeria Nacional), Pergamon Museum (Antiguidades), Bode Museum (Esculturas, Moedas, Medalhas), Zeughaus – Deutsches Historisches Museum (Museu Histórico Alemão), Neue Wache (Nova Casa da Guarda). Ufa!!!!! Se você está com tempo sobrando na cidade, estes museus são uma excelente opção de visita.

Berlim 2 ps

E daqui até chegar ao Portão de Brandemburgo a avenida Unter den Linden é simplesmente maravilhosa. Você passará pela Ópera Estatal de Berlim, pela Universidade Humboldt e pelo Museu Madame Tussauds de Berlim.

A avenida estava toda iluminada por conta do Natal. Começava a escurecer. Para se ter uma ideia da riqueza do local, você passa pelas Embaixadas Americana, Francesa, do Reino Unido, Russa e outras, bem como diversos hoteis cinco estrelas. Imagina as lojas e restaurantes desta região, puro luxo!!!! Era final de tarde, não chovia e o céu estava bonito. Andamos mais uns 3 km até aqui. Já são 6 km ao todo.

Passando o Portão de Brandemburgo, à direita você encontrará o Reichstagsgebäude (Palácio do Reichstag – Edifício Parlamentar Alemão). À esquerda, a Potsdamer Platz que vale a pena uma visita. E em frente um enorme parque público com diversos memoriais da Segunda Guerra Mundial. Gente, é muita história.

Próximos também estão o Checkpoint Charlie, a Topografia do Terror e outros locais importantes. Deixamos para amanhã, pois temos uma caminhada até nossa casa, 4 km.

Ah, se houver tempo e fôlego vale a pena seguir por este parque até o Jardim Zoológico de Berlim que fica a 3,6 km do Portão, caminhando.

Ficou tarde, então jantamos em um restaurante italiano muito bom. Na volta para casa, ainda andando, passamos por locais e lojas bem pitorescas. Enfim, Berlim realmente é uma cidade que deve ser visitada, seja pela história, cultura ou diversidade.

Hoje andamos ao todo uns 10 km. Para amanhã programamos andar até uma exposição a céu aberto próximo de nossa casa. Depois, pegar o carro e ir a uma loja de brinquedos (maravilhosa). Visitar o Muro de Berlim (sim, ainda há partes do Muro que propositalmente foram mantidas em pé para que as próximas gerações não se esqueçam do que aconteceu com a cidade, com a Alemanha e com o Mundo).


Acordamos cedo, tomamos nosso café da manhã em casa e saímos a pé para a exposição a céu aberto que havia próximo de casa. Esta exposição é permanente e mostra o impacto da região em 1961, quando, da noite para o dia, as ruas de Berlim foram divididas com arame farpado e patrulhadas com guarda armada 24 horas, proibindo as pessoas de passarem de um lado a outro.

Posteriormente o Muro foi construído em toda a extensão onde havia o arame – total 155 km. A foto abaixo mostra estas barras que substituíram o Muro neste trecho. Há fotos de 1961, 1963, 1964, 1966, 1986 e 1990. Famílias separadas e que, em muitos casos, voltaram a se encontrar somente após quase 30 anos. Inacreditável!!!!

Muro 4 ps

Depois, pegamos o carro e fomos nos divertir um pouco. Esta loja de brinquedos abaixo vende de tudo. 🙂 São brinquedos novos e usados. De aviões e helicópteros a gasolina pendurados no teto até bonequinhos tipo Lego ou Playmobil, muito utilizados em Constelações Familiares.

Loja 3 ps

O Felipe ficou doido. A Silma também com seus bonequinhos de Constelação. 😀

Bonequinhos ps

Depois fomos almoçar no Nano Falafel, um restaurante muito bom de cozinha mediterrânea e do Oriente Médio. Pegamos o carro e fomos passear. Para nossa surpresa, havia uma multa por estacionar em local proibido. Não vimos sinalização. 😯

Recebi uma Multa de Trânsito na Alemanha, como Pagar?

Paramos em uma loja da Vodafone e compramos um chip para ter internet e um número de telefone para uma ligação, se necessário. Funciona em toda a Europa. Foi muito útil.Passeio 1 ps

Estávamos próximos do Natal e a cidade toda iluminada. Passamos pelo Checkpoint Charlie, Memorial do Holocausto com seus 2.711 blocos de concreto, Potsdamer Platz com seus prédios modernos e de arquitetura arrojada, Muro de Berlim, Gedäechtniskirche (Igreja Memorial Imperador Guilherme ou Igreja Quebrada) construída em 1890 e destruída na Batalha Aérea de Berlim durante a Segunda Guerra Mundial e mantida no estado como mais um memorial da Guerra.

Berlim tem muitos museus e muitos monumentos/memoriais de Guerra. A sensação que fica é a de que eles e o Mundo precisam ver para lembrar com frequência dos horrores das Guerras. Onde o Muro foi demolido, o chão é diferente, parece um paralelepípedo e todo composto por placas de metal com a inscrição: BERLINER MAUER 1961-1989, para que lembremos deste episódio da Guerra Fria.

Vale muito a pena visitar Berlim e sentir esta atmosfera.

Estacionamos nosso carro e indo para casa havia uma loja muito interessante de roupas, acessórios e etc. Entramos. Era tudo muito barato. Deixamos as coisas em casa e saímos a pé para encontrar um restaurante próximo que tivesse uma sopa quentinha (para esquentar do frio). Perguntamos e nos indicaram um restaurante vietnamita. Bom, aqui vale ressaltar que a comida vietnamita não é para qualquer um e achamos a sopa horrível. 😥 Acho que não soubemos pedir. 🙂 Valeu para conhecer.

Do restaurante para casa estava muito frio. Chegando, banho e cama porque amanhã pegaremos nossa primeira estrada na Europa com destino a Praga na República Tcheca, parando em Dresden (ainda na Alemanha) para almoçar.


Continue conectado com a gente e não perca este roteiro. Ficou maravilhoso.

Para ver nossa próxima parada, Dresdenclique aqui.

Para ver nosso post de Praga, clique aqui.

Não percam!!!!!!!! 😎

Pensando em hospedagens, passeios e locação de veículos? Consulte nossos parceiros. Não pagará a mais por isso e terá tudo à mão. Clique nos links acima e aproveite os melhores lugares, preços e condições de pagamento.


 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s