Chamonix-Mont-Blanc

Alpes Franceses – Chamonix-Mont-Blanc – Em 2 … 3 … 5 … 10 … 30 Dias

A primeira vez que estivemos em Chamonix foi durante o Réveillon de 2016/17. INCRÍVEL.

A segunda vez foi em 2018, quando passamos o dia 27 de dezembro, pois estávamos hospedados em Sallanches, a apenas 26 km e também visitamos Megève e Saint-Gervais-les-Bains. Cidades IMPERDÍVEIS.


Chamonix-Mont-Blanc ou simplesmente Chamonix (sem pronunciar o “x”), é uma estância turística na França, próxima às fronteiras da Itália e Suíça, tendo o imponente Mont Blanc como sua atração principal.

Chamonix é a capital do mundo das atividades ao ar livre: montanhismo, alpinismo, escalada, caminhada, ciclismo de montanha, parapente, corrida em trilhas, esqui, entre outras. Tem movimento por aqui tanto no Verão como no Inverno, com suas estações de esquis e o charme dos Alpes, muito para fazer e curtir.

No Inverno é frio, claro, mas nada como uma roupa adequada para curtir todos os momentos. A temperatura mínima que pegamos foi de -8°C com sensação térmica de -18°C quando subimos o Aiguille du Midi.


COMO CHEGAR:

O AEROPORTO mais próximo é o de Genebra (AIG) que fica a 80 km de distância. De Zurique (ZRH) são 400 km. Do Charles de Gaulle (CDG) em Paris são 630 km.

Do aeroporto, alugue um carro clicando aqui e vá dirigindo até Chamonix … uma delícia de passeio.

O TREM também é uma opção para quem sai de Paris (TGV des Neiges) e de outras cidades.

Se estiver em Genebra e quiser somente PASSAR UM DIA maravilhoso por aqui, reserve já seu passeio clicando aqui. São 9 horas de passeio que valem muito a pena. Poderá pegar o teleférico até o Aiguille du Midi (se reservar esta opção) e subir a 4 mil metros de altitude e avistar os Alpes Franceses, Italianos e Suíços, ou pegar o trem Montenvers até Mer de Glace (se reservar esta opção) e conhecer uma caverna de gelo, também maravilhoso passeio.

De CARRO a estrada é bem pitoresca com paisagens deslumbrantes. De repente você começa a ver as montanhas cobertas de neve se aproximando … será que é lá? 😉

Outro ponto bem interessante é a passagem pelo Tunnel du Mont-Blanc. Este túnel liga a Itália (Courmayeur) à França (Chamonix). Com extensão de 12 km, passa bem debaixo do Aiguille du Midi e você tem que dirigir a uma velocidade mínima de 50km/h e máxima de 70km/h. Pedágio €38,90.


HOSPEDAGEM:

Quando ficamos hospedados aqui em 2016, alugamos o apartamento Chamonix Sud Studio, pequeno, mas suficiente para nós três. O melhor custo x benefício. Nossa anfitriã nos recebeu com um vinho e uma caixa de chocolates. Hummm que delícia!!!

Como Funcionam os Pedágios na Europa

Veículos Alugados que Podem ou NÃO Circular pela Europa

Mas, se este apartamento não for adequado ao seu grupo ou se quiser se hospedar em um hotel, chalé alpino, albergue, B&B ou uma casa de temporada, entre aqui em Booking.com, nosso parceiro, e descubra outras opções na cidade de Chamonix, sendo que o ideal é ficar próximo ao Centro, pois poderá conhecer os principais pontos da cidade a pé. 😎

É uma cidade maravilhosa para passear pelo centrinho, almoçar, jantar. Uma delícia andar pelas ruazinhas pitorescas ao pé do Mont Blanc. Você olha para cima e vê aquela montanha branca, os cabos dos teleféricos levando os esquiadores e aventureiros. E um pouco mais para cima, preste atenção e veja os mais corajosos “flutuando” de parapente.

Aqui anoitece cedo no Inverno – por volta das 16h30 – e o céu fica maravilhoso. A noite vai caindo, mas ainda é cedo e dá para aproveitar muito mais. Foi o que fizemos. Passeamos muito e antes de voltarmos para casa, compramos algumas coisas para abastecer nossa Despensa Móvel.


O QUE FAZER:

♦ Train du Montenvers Mer de Glace:

Fomos andando (600m) até a estação do Train du Montenvers Mer de Glace. Um trenzinho vermelho e charmoso que nos leva até o Mer de Glace − Mar de Gelo, o maior glaciar da França e o terceiro maior dos Alpes, com 7 km de comprimento e 200 metros de espessura. A vista é fantástica. 1913 metros de altitude.

Uma vez aqui, você poderá pegar um pequeno teleférico e visitar a Caverna de Gelo, uma gruta feita pelo homem e escavada a cada Verão, pois ela se move cerca de 70 metros a cada ano. 😯

  • crianças até 5 anos gratuito;
  • de 5 a 14 anos ou maiores de 65, de €22,50 a €27,60;
  • adultos, de €26,50 a €32,50.

Os valores menores não inclui o teleférico e para chegar até a Caverna de Gelo, será uma boa caminhada de cerca de 20 minutos.

Atenção: 480 degraus separam a chegada da gôndola até a entrada da Caverna.

Mapa de Train du Montenvers Mer de Glace, 74400 Chamonix-Mont-Blanc, França

Depois de curtir muito, poderá almoçar por ali mesmo.

O restaurante Le Panoramique Mer de Glace, oferece uma cozinha tradicional francesa com uma belíssima vista.

O Restaurant du Montenvers, localizado no hotel Terminal Neige – Refuge du Montenvers, também de cozinha francesa, está a apenas 3 minutos da estação de trem. Se estiver em Lua de Mel ou curtindo uma viagem romântica, será uma excelente opção para hospedagem a dois com nota 9,8. 😉

O Bar des Glaciers – Coffee Shop é uma opção mais rápida e informal. Servindo lanches, muffins, biscoitos, tortas doces, cafés, chás, chocolates quentes, enfim, tudo de bom e gostoso para descansar um pouco antes da descida à Chamonix.

Nós fomos almoçar na cidade e passear mais um pouco, quer dizer, bastante … hehehe!!!

♦ Teleférico do Aiguille du Midi:

Andamos 800 metros e chegamos ao Teleférico do Aiguille du Midi.

Subimos dois teleféricos e chegamos a uma altitude de 3842 metros e foi uma sensação indescritível … a vista é de cinema … uau … Temperatura -8°C às 11h00. Sensação térmica -18°C 😎

A distância total percorrida do teleférico em duas etapas é de 5.420 metros. É isso mesmo: mais de 5 km 😯 O primeiro teleférico pára em Le Plan. O segundo te levará ao topo do Mont Blanc, a mais alta montanha dos Alpes e da União Europeia, atingindo 4.808 metros.

Aqui vai uma valiosa 💡 dica: quando desembarcar do primeiro teleférico, fique por lá uns 15/20 minutos para seu organismo ir se adaptando à altitude e ao ar mais rarefeito. Só depois pegue o segundo. E ao desembarcar do segundo, não saia “correndo” para ver tudo. Procure um lugar e fique lá observando a maravilhosa paisagem por mais uns 15/20 minutos. Digo isto, porque o organismo começa a reagir com a falta de oxigênio (60% a 4 mil metros) e consequentemente a respiração acelera e a frequência cardíaca aumenta. Espero não estar assustando ninguém 🙂 é apenas uma informação valiosa. Então, procure respirar com calma e não se esforce desnecessariamente. A vista vale tudo. 😎

Ficamos horas lá em cima. E foi muita sorte, pois o dia estava maravilhoso, céu aberto com vista infinita. No dia seguinte amanheceu bem nublado. A foto da capa de nosso blog é de lá. Feita em 180°. Quase deu para ver o Cristo Redentor no Rio de Janeiro. 🙂

20170102_133220

♦ Step into the Void:

Uma vez lá em cima, não perca a oportunidade de ir ao Terrasse 3842, e entrar no Step into the Void (Passo no Vazio), um cubo de vidro onde você fica “flutuando” em um vazio de mais de mil metros abaixo dos seus pés …

Descemos com a vista em nossa memória e não falamos em outra coisa. Passeamos mais um pouco, agora por ruas ainda não visitadas. É tudo muito lindo. Para mim, um lugar inesquecível.

♦ Parapente:

Se seu estilo for mais radical, poderá “flutuar” de parapente de dois lugares, acompanhado por um instrutor. O que lhe resta? Filmar, fotografar e aproveitar este momento mágico. Reserve já e tenha prioridade clicando aqui.

♦ Esqui & Snowboard:

Por aqui existem diversas pistas para esquiar, das mais fáceis para iniciantes e crianças até as especiais para os experientes.

Para crianças e iniciantes, recomendam as pistas Planards, la Vormaine e la Savoy.

Para os que já têm alguma prática e querem se aventurar um pouco mais, são recomendadas as pistas les Houges e Brevent.

Agora, se você já é um expert olímpico 😎 , vá esquiar em les Grands Montets.

Se você não tem equipamento, existem diversas lojas que alugam. O ideal será você se informar em seu hotel ou com seu anfitrião, qual a melhor opção, a mais próxima. Eles sempre têm boas dicas. Além de poderem auxiliar também na opção de comprar o Passe (Pass), e qual Pass, que te dará direito a diversas pistas, teleféricos, etc.

Aproveite e se informe também sobre aulas para iniciantes. Existem empresas que fazem o pacote: transporte até a pista, equipamento, roupa e aula por um determinado período.

Melhor ir com quem conhece, sempre. Até porque a condição climática pode mudar a qualquer momento e eles conhecem o terreno.

O preço para isto tudo sabemos que não é barato e têm diversas opções. E dependerá de quantidade de dias, quais pistas, locomoção e etc.


O QUE VESTIR:

No Verão, Outono e Primavera, as temperaturas são mais amenas, podendo esfriar durante a noite:

  • segunda pele;
  • casaco;
  • bota para montanha;
  • óculos escuros.

No Inverno, as temperaturas ficarão frequentemente abaixo de zero:

  • uma segunda pele e uma térmica (calça e blusa);
  • casaco resistente e impermeável, de preferência com capuz;
  • roupa para esquiar;
  • bota para neve que seja térmica e impermeável;
  • gorro;
  • cachecol;
  • luva impermeável;
  • óculos escuros.

O Mapa abaixo não é um roteiro a ser seguido, mas a localização da estação, dos teleféricos, da rua principal, restaurante e nosso apartamento. É tudo muito perto. Nosso carro ficou estacionado todos os dias e fizemos tudo a pé.

Entre um ponto e outro no mapa, existem diversas atrações, outros pontos turísticos, praças, feirinhas, lojas, museus, igrejas, cassinos, diversões para crianças, etc., que não estão elencados aqui, portanto não leve em consideração o tempo no mapa. Além do que, em 99% das vezes, seguimos nossos instintos e não necessariamente o mapa. 😎 Então DIVIRTA-SE. 🙂

Por ali também existem várias lojas de aluguel de roupas para neve, equipamentos de ski e tudo que precisar.


CONCLUSÃO:

Esta região é maravilhosa. Veja no mapa abaixo as cidades que conhecemos por aqui. Uma bem pertinho da outra: Sallanches, Chamonix-Mont-Blanc, Megève e Saint-Gervais-les-Bains. Uma melhor que a outra.

Veja quantos lugares para esquiar por aqui. Então vem pra cá. 😎 😉 🙂


DESCUBRA novas 💡 DICAS de viagem:

Pensando em hospedagens, passeioslocação de veículos? Consulte nossos parceiros. Não pagará a mais por isso e terá tudo à mão. Clique nos links acima e aproveite os melhores lugares, preços e condições de pagamento.

Passeie pelo nosso MENU e escolha sua próxima aventura: Helsinki, ParisAmsterdã, Londres, Istambul, Veneza e tantas outras.


 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s